mamao_1280

Mamão

É do Brasil – É da Região Norte

Fonte: Alimentos Regionais Brasileiros – 2ª Edição/2015 – Ministério da Saúde.

Nome científico: Carica papaya L.

Nome popular: Mamão.

Origem: Bacia amazônica superior.

Características: O fruto do mamoeiro é uma baga, com formato ovoide, esféricoperiforme,
de tamanho e peso com grandes variações. A cor da polpa pode variar de amarela a
salmão ou róseo-avermelhada. A casca é lisa, verde, tornando-se amarela ou alaranjada quando
maduro o fruto. Apresenta cavidade central grande, contendo numerosas sementes. É uma planta
herbácea, tipicamente tropical. O Brasil é o primeiro produtor mundial de mamão, situando-se
entre os principais países exportadores, principalmente para o mercado europeu. De forma geral,
os cultivares de mamoeiros mais exploradas no Brasil são classificadas em dois grupos, conforme o
tipo de fruto: solo e formosa. O mamoeiro, planta tipicamente tropical, vegeta bem em regiões de
grande insolação. O mamão apresenta-se como fonte de nutrientes, principalmente, ácido ascórbico
e provitamina A. O mamoeiro é uma planta precoce, com início de florescimento e frutificação
entre três e quatro meses após o plantio. O mamão é um fruto muito perecível e apresenta elevado
nível de perda na fase pós-colheita, atribuída principalmente aos danos mecânicos provenientes de
atrito e/ou compressão.

Uso culinário: No Brasil, esta fruta é consumida preferencialmente fresca. A polpa do fruto
maduro é usada para produção de conservas, doces, geleias, sucos e néctares, combinados ou não
com outras frutas tropicais, além de purê, pelo processo asséptico ou na forma congelada. Também é comum o uso dos frutos verdes, seja ralado ou em pedaços para fazer doces, seja para uso em
pratos salgados.

Você sabia que: Do látex do fruto verde é extraída a papaína, enzima que quebra proteínas
(proteolítica), utilizada para os mais variados fins nas indústrias têxteis, farmacêuticas, de alimentos
e de cosméticos. As sementes, que constituem cerca de 14% do peso do fruto, podem ser utilizadas
para a extração de óleo comestível, obtendo-se rendimento de cerca de 25%, ou para o preparo
de determinados produtos farmacêuticos, com base em suas propriedades medicinais. Também
é comum o uso dos frutos verdes, seja ralado ou em pedaços, para fazer doces, seja para uso em
pratos salgados.


Capturar