Temperos naturais dão mais sabor e ajudam a controlar a HIPERTENSÃO
Eduardo Djun
Muita gente exagera na quantidade e diz que é para realçar o sabor, mas o excesso de sal pode fazer mal à saúde. Além de evitar o uso do saleiro à mesa, o ideal é reduzir o consumo já no preparo dos ALIMENTOS. Segundo a NUTRICIONISTA Camila Gracia do HCor (Hospital do Coração), os brasileiros comem em média o dobro da quantidade de sal recomendada (5g de sal ou 2g de sódio por dia). "Há diferenças entre as regiões do país, mas o brasileiro consome cerca de 11 gramas de sal por dia."
Para os hipertensos, uma das medidas para diminuir a pressão é reduzir o consumo de sódio da ALIMENTAÇÃO. A pressão alta muitas vezes é vinculada ao sal, mas na verdade o sódio é o responsável. "Geralmente as pessoas acham que o sal é um ítem a ser controlado e o sódio é um outro ítem, mas eles devem ser controlados em conjunto, fazendo a conta de equivalência, onde 5g de sal são iguais a 2g de sódio."
Segundo Camila, a pessoa que está acima do peso e não tem uma ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ingere muito sal, não pratica atividades físicas, consome bebida alcoólica em excesso é considerada por cardiologistas uma bomba relógio para a HIPERTENSÃO arterial.
Veja abaixo uma lista de ALIMENTOS que pode ajudar você a ter uma ALIMENTAÇÃO mais SAUDÁVEL.
ALIMENTOS favoráveis:
Temperos naturais, como alho, cebola, salsa, cebolinha, coentro, cominho, manjericão, orégano, pimenta, páprica, gengibre, canela, cravo, noz-moscada, cheiro verde e alecrim.
– Margarina cremosa sem sal e sem GORDURAS TRANS
– ALIMENTOS feitos em casa com pouco sal
– ALIMENTOS em lata conservados apenas no vapor
ALIMENTOS desfavoráveis:
Temperos industrializados ricos em sal, como caldos e extratos de carne ou galinha, catchup, mostarda, maionese, molho inglês e molho de salada industrializado.
Produtos industrializados como:
– margarina e manteiga com sal
– enlatados e conservas: milho, ervilha, palmito, azeitona, alcaparras etc.
– embutidos: salsicha, lingüiça, mortadela, presunto, salame e frios em geral
– queijos amarelos e gordurosos: prato, mussarela, provolone, parmesão etc.
– Sopas prontas, macarrão instantâneo, pratos congelados etc.
– Toucinho, bacon, bacalhau, carne seca
– Pastel, coxinha, esfiha, risoles, pizza etc.
– Amendoim, batata chips/palha, salgadinhos etc.
Cálcio e potássio
Além disso, pesquisas têm demonstrado a importância do cálcio e do potássio no controle da HIPERTENSÃO. Por isso, mantenha a ingestão correta destes nutrientes diariamente, consumindo:
– três porções de frutas variadas, sendo pelo menos uma cítrica (laranja, mexerica, goiaba etc.)
– três porções de leite e derivados magros, como leite desnatado, iogurte light ou natural desnatado e queijo tipo minas frescal, ricota ou cottage
– duas porções fartas de verduras e legumes (mínimo 1 prato de sobremesa) no almoço e no jantar