O encontro contou com a participação de nutricionistas, profissionais de comunicação e saúde, advogados, alguns representando movimentos e organizações-membro da Aliança como Slow Food Brasil, Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor), ACTbr, Associação de Agricultura Orgânica e Rede Brasileira Infância e Consumo.

Durante o evento foram realizadas atividades de integração, definidos os objetivos de advocacy local e um mini-curso de advocacy ministrado pela equipe da ACT. Também houve a participação de convidados especiais representantes de órgãos locais como Procon-MPMG, da Assembléia Legislativa de Minas Gerais e a presença da ativista ambientalista Maria Teresa Corujo, do Movimento pelas Serras e Águas de Minas. A palestra da Maria Teresa emocionou a todos com o alerta para a grave ameaça dos impactos sócio-ambientais da mineração sobre os aquíferos do estado, colocando em risco o direito humano à água.

(Texto: Aliança pela Alimentação Adequada e Saudável)