A Lei 11.506/2007definiu que em homenagem à fundação da Sociedade Brasileira dos Ostomizados, em 1985, no dia 16 de novembro toda a população do Brasil se une em torno de um ideal: deixar de lado o preconceito contra as pessoas que utilizam o procedimento da Ostomia.

O que é ostomia?

A ostomia é uma intervenção cirúrgica que permite criar uma comunicação entre o órgão interno e o exterior, como a finalidade de eliminar os dejetos do organismo. A nova abertura que se cria com o exterior, chama-se ostoma.
A ostomia que afeta o aparelho digestivo chama-se ostomia digestiva e o conteúdo eliminado para o exterior são as fezes, já a ostomia urinária é aquela que afeta o aparelho urinário e o conteúdo eliminado para o exterior é a urina.
A cirurgia de ostomia tem salvo vidas e melhorado a saúde de milhares de brasileiros. A razão para se criar uma ostoma ocorre por motivo perfurações acidentais no abdômen, câncer no reto, no intestino grosso e na bexiga. Neste último caso, a bexiga deve ser removida, e a urina é desviada para um ostoma. O desvio da urina também será necessário em pacientes com ferimentos ou anormalidades congênitas que impedem a bexiga de funcionar normalmente.
O que é são ostomizados?
São pessoas de utilizam um dispositivo, geralmente uma bolsa, que permite recolher o conteúdo a ser eliminado através do ostoma. O fato de ser portador de um ostoma faz com que o paciente tenha que se adaptar a esta nova situação, porém uma vez superada a etapa inicial, pode-se levar uma vida normal no seu trabalho, junto à amigos e familiares.

Tipos de Ostomia

COLOSTOMIA: é um tipo de ostomia intestinal que faz a comunicação do cólon com o exterior, também através do ostoma, no qual é acoplado a bolsa coletora no abdômen para a coleta das fezes.
ILEOSTOMIA: é um tipo de ostomia intestinal que faz a combinação do íleo, a parte final e mais larga do intestino delgado, com o exterior. As Ileostomias localizam-se sempre no lado inferior direito do abdômen. Através do ostoma é colocada a bolsa coletora para eliminar as fezes mais líquidas.
UROSTOMIA (também denominada como “Desvio Urinário”): é a intervenção cirúrgica que consiste em desviar o curso normal da urina. As semelhanças das ostomias podem ser permanentes ou temporárias.

Fonte: Sociedade Paranaense de Ostomizados
Mais: www.abraso.org.br